Não transforme a sua viagem dos sonhos para a Disney em pesadelo

Tempo de leitura: 7 min

Escrito por admin

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

Fazer uma viagem internacional requer planejamento e recursos financeiros, principalmente se o seu roteiro inclui os parques da Disney. Isso porque além das despesas de um trajeto normal, você ainda terá os custos com os ingressos para os parques.

Localizada em Orlando, na Flórida, a Disney é o destino mais sonhado pelas crianças e adolescentes, e também pelos adultos que cresceram assistindo os filmes e desenhos que fazem parte desse universo.

Entretanto, se a viagem para disney não for bem planejada, o sonho pode acabar virando um pesadelo. São diversas escolhas que precisam ser pensadas e definidas antes da jornada, entre elas:

  • Aluguel de carro;
  • Compra das passagens;
  • Escolha da hospedagem; 
  • Orçamento para a viagem;
  • Compra de ingressos para os parques.

Para te ajudar nisso, e fazer com que a sua viagem para orlando florida disney realmente se torne um sonho inesquecível, confira as dicas que separamos a seguir para te ajudar no planejamento. 

6 dicas para planejar a sua viagem para a Disney

Antes de começar a planejar uma viagem internacional, é preciso ter em mente que do ponto de vista financeiro, esse é um investimento caro. Mas levando em conta que é a realização de um sonho, será um preço que valerá muito a pena.

Porém, para que isso ocorra, é preciso ter um planejamento realista e bem estruturado. 

Para que você possa realizar esse sonho sem ficar no vermelho, confira as 6 dicas que preparamos logo abaixo:

  1. Defina exatamente o que você quer

Um dos maiores erros na hora de viajar é não saber o que quer. 

Saber apenas que quer “viajar para a Disney” é muito vago. Você precisa ter noção se quer ficar em hotéis da disney ou fora do parque, classe do voo, quantos locais irá visitar e assim por diante.

  1. Seja realista

Não subestime o tamanho e o custo total da sua viagem. Principalmente quando o destino é a Disney, que envolve os custos de ingressos dos parques, os custos com a alimentação dentro deles – que não é barato – e as compras nas lojas de presentes.

Mesmo que o seu desejo seja viver toda a experiência ao máximo, é preciso ser realista e considerar todos os gastos de acordo com a sua realidade financeira. Para isso, analise todos os valores, desde a taxa de emissão do passaporte até a gorjeta do garçom. 

  1. Planeje com antecedência

Planeje o orçamento para a viagem com antecedência, principalmente se o seu objetivo é procurar casas para alugar em orlando preço acessível. Estime um prazo necessário para guardar o dinheiro necessário para a viagem.

Fique atento para aproveitar as promoções e para comprar os dólares um pouco a cada mês até a data da viagem. O ideal é já ter pelo 70% do valor necessário para a viagem no início do planejamento, e não deixar nada para pagar após o seu retorno.

  1. Defina o seu orçamento e não fuja dele

Após finalizar o seu plano, será muito mais fácil ter uma estimativa real do quanto você irá gastar na sua viagem. Assim, você pode estabelecer limites até mesmo para os valores extras e deixar o cartão de crédito apenas para emergências.

Ou seja, se em determinado momento da viagem o seu orçamento do dia acabar, não se sabote com pensamentos de “eu mereço” ou “já estamos aqui mesmo”, pois o resultado disso pode ser desastroso. A única exceção é se faltar algo para comer. O resto pode ser evitado.

  1. Pague tudo antes da viagem

No dia de embarcar para a viagem, o ideal é já estar com tudo pago. Ou seja, se você comprou passagens áreas ou alugou apartamentos em orlando para temporada parcelados no cartão de crédito, a última deve ser paga antes do embarque.

Além disso, já leve todo o dinheiro necessário para os gastos na viagem. Assim, quando as férias acabarem e você retornar para o trabalho, já poderá começar a planejar a próxima viagem e não se preocupar com as dívidas feitas na última hora.

  1. Viajar e comprar não são sinônimos

Não deixe de viver experiências incríveis em sua viagem orlando para ficar apenas comprando nos outlets. Os parques da Disney são grandes e cheios de atividades para fazer e coisas para conhecer.

Os momentos vividos nos parques são muito mais preciosos do que os objetos comprados nos outlets. É claro que não precisa excluir as compras do seu roteiro, mas saiba dosar o seu tempo e dinheiro gastos nesses lugares.

Passo a passo para não passar sufoco em Orlando

Com um planejamento de viagem bem estruturado e um orçamento definido, chegou a hora de criar um roteiro para aproveitar os seus dias em Orlando. 

Além de passear nos parques da Disney, você também pretende fazer compras e conhecer casas de brasileiros para alugar em orlando, então, confira o passo a passo abaixo que criamos para te ajudar.

  1. Faça um planejamento minucioso do seu roteiro

Orlando é uma cidade que oferece diversas opções turísticas. Para conseguir aproveitar ao máximo, pesquise os pontos turísticos, leia blogs e assista vídeos sobre os lugares. Assim, você poderá incluir o que mais gostar no seu roteiro e calcular o tempo de visita.

Não adianta chegar na cidade e sair fazendo as coisas aleatoriamente. Isso fará você perder tempo, ficar irritado e cansado, e o que era para ser uma viagem inesquecível, pode se tornar um pesadelo.

  1. Acorde cedo

Para você que planeja visitar os parques da Disney, saiba que as filas das atrações são grandes, e em alta temporada, podem demorar até duas horas. Por isso, se você acordar tarde, pode perder um tempo precioso de diversão.

Caso tenha optado em ficar em casas em orlando baratas que ficam um pouco mais distante dos parques, acorde mais cedo para chegar no horário de abertura dos portões para não perder nada. 

  1. Faça um seguro saúde

Viajar sem um seguro saúde é como brincar com a própria sorte. Lembre-se que o sistema dos Estados Unidos é diferente do Brasil, e caso aconteça algum acidente ou problema, você precisará pagar em dólares pela consulta.

A contratação do seguro saúde irá garantir que em caso de emergência, você esteja assistido no país sem precisar gastar um dinheiro não previsto dentro dos orçamento da viagem.

  1. Leve sapatos confortáveis

Não adianta querer desfilar com aquele salto maravilhoso ou sapato social estiloso durante os passeios. Os parques são grandes e cheios de atividades para fazer, e você andará vários quilômetros em um único dia. 

Para não estragar a sua viagem, ou ficar cansado e com bolhas nos pés nas primeiras horas do dia, leve sapatos confortáveis e com amortecedores e meias de algodão para garantir o seu conforto e deixar os seus pés respirarem. 

  1. Planeje as visitas aos parques da Disney

Antes de ir aos parques, é preciso pensar na roupa que irá vestir, consultar os horários das atrações que pretende ver e verificar se é época de baixa ou alta temporada dos parques. Todos esses fatores podem influenciar como vai ser o seu dia de passeios.

Além disso, se pretende ir nos restaurantes dos parques ou utilizar o Fast Pass, que é um passe “fura fila” para atrações, lembre-se que os agendamentos precisam ser feitos meses antes. 

Para os restaurantes, pode ser necessário agendar com até 6 meses de antecedência.

  1. Inclua toda a família no planejamento

Caso vá fazer uma viagem em família, é preciso que todos estejam incluídos no planejamento. Isso irá facilitar o roteiro do trajeto e evitar que ocorram confusões ou insatisfações durante a jornada.

Desse modo, converse com cada membro da família e descubra quais são seus desejos e prioridades para essa viagem, em seguida, trabalhem juntos em um roteiro que seja capaz de atender e agradar a todos.

  1. Lembre-se de registrar os momentos

Cada momento nos parques da Disney são mágicos, e para relembrar cada um deles dessa viagem, lembre-se de tirar boas fotos para guardar como lembrança. Existem diversos fotógrafos espalhados pelos parques, e você pode comprar um pacote com eles.

Porém, se não quiser pagar pelas fotos, esses fotógrafos, ou qualquer outro funcionário dos parques da Disney, podem tirar elas de graça para você utilizando a sua câmera. Basta pedir para que eles te ajudem nesse momento.

  1. Deixe dias livres na sua programação

Fazer uma maratona de visitas aos parques é muito cansativo, o que deixa as pessoas exaustas no final do dia. Por isso, para aproveitar cada momento da viagem e não exigir demais do seu corpo, intercale os dias de parques com dias mais leves de descanso.

Por fim, lembre-se que tudo pode demorar mais que o esperado, desde o tempo de transporte até as filas no parque. Ter um tempo livre na programação irá suprir essa duração mais perdida no roteiro.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Markplan, site voltado 

para a veiculação de conteúdos relevantes sobre estratégias de negócios, pensados para abranger informações e novidades relacionadas aos maiores segmentos empresariais.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


Seja o primeiro a comentar!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.