10 dicas para emagrecer de forma saudável e manter a forma

Tempo de leitura: 7 min

Escrito por gabriel araujo

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

Embora muitas pessoas procurem o emagrecimento, elas o começam de maneira errada, fazendo dietas milagrosas e mirabolantes, além de buscar o resultado em poucos dias, sendo que a forma de emagrecer de maneira saudável é através de exercícios e de uma reeducação alimentar.

Ou seja, é preciso mostrar novamente ao seu organismo o que é bom para ele e o que é mais saudável, condicionando-o novamente a uma rotina de exercícios e de alimentos que realmente façam o seu bem, e não que apenas engordem e causem problemas de saúde.

Portanto, seja através de um kit academia ao ar livre preço ou com a ajuda de um profissional, o texto de hoje abordará 10 dicas que podem te ajudar a emagrecer, sempre mostrando a importância de cuidar da sua saúde e ter acompanhamento profissional.

Saiba mais sobre o processo de emagrecimento

Uma das verdade da vida é que sempre existirá alguém tentando emagrecer e, seja por motivos estéticos ou de saúde, as pessoas estão dispostas a quase tudo para atingir seu objetivo e conseguir alcançar o corpo que julgam ser o ideal.

Claro que, assim como uma empresa de segurança biológica procura formas de fazer seu trabalho corretamente, existem maneiras melhores e piores de emagrecer, maneiras que são mais naturais e orgânicas e outras que forçam o organismo, podendo gerar um problema.

Isso se torna bastante preocupante por diversos motivos. O primeiro é a falta de limite das pessoas que, por uma compulsão de emagrecimento, acabam aceitando qualquer coisa. O segundo é a quantidade de remédios que elas buscam, acreditando que conseguirão o que querem.

Mas de acordo com diversos médicos, a quantidade de comprimidos e drogas que existem no mercado que mais prejudicam do que ajudam é enorme, sem mencionar que nenhum deles é totalmente seguro e isento de efeitos colaterais. 

Desse modo, uma pessoa muito prejudicada pode não conseguir efeito, posteriormente, nem com suplemento mineral e vitaminico.

Tendo isso em mente, só aumenta a preocupação de todos e mostra como é importante o acompanhamento médico em caso de remédios e constante análise dos resultados obtidos, garantindo que seu corpo, apesar das grandes mudanças, se adaptará o melhor possível a elas.

Os tópicos a seguir reunirão uma grande quantidade de dicas e informações, além de vantagens do emagrecimento, que podem te ajudar e incentivar a buscar manter sua forma e ter um estilo de vida mais saudável.

Desse modo, podendo, inclusive, trabalhar em uma clinica de fisioterapia com maior tranquilidade.

Conheça os benefícios do emagrecimento

Claro que cada um deve analisar e decidir se está bem com o próprio corpo, e respeitamos isso. Porém, deve sempre ser lembrado que obesidade é uma doença e deve ser tratada como tal, não romantizada. Em outras palavras, ela mata.

Por isso, caso ainda esteja em dúvida sobre se realmente vale ou não a pena investir em métodos e técnicas para emagrecimento, os benefícios que você pode adquirir são:

  • Menor fadiga;
  • Maior disposição para as tarefas do dia;
  • Sono muito mais leve e melhor;
  • Organismo mais saudáveis e menor probabilidade de doenças;

Ou seja, mesmo que você utilize continuamente um aparelho de pressão manual, sozinho ele não te ajudará a emagrecer e, a longo prazo, diversos problemas de saúde irão se acarretar, muitos deles podendo levar à morte ou a uma vida muito menos prazerosa.

Pensando nisso, abaixo foram separadas 10 dicas que podem te ajudar a emagrecer de forma saudável e com menos efeitos colaterais. Confira-as!

01 – Tenha metas bem definidas

O primeiro passo para emagrecer de forma saudável é ter uma meta bem definida. Estudos e médicos dizem que ela deve ser estabelecida a médio e longo prazo, podendo deixar uma quantidade de Kg que deseja perder e, continuamente, buscando perder aos poucos a cada mês.

Mesmo que tenha cuidado e que não precise ficar no hospital com seu lençol hospitalar, perder em média 5kg entre os segundo e terceiro mês mostra que o corpo já está se adaptando à nova rotina, e a partir daí que o verdadeiro emagrecimento acontece.

02 – Tenha paciência

Um dos maiores erros que as pessoas cometem ao iniciar sua jornada rumo ao emagrecimento é querer resultados rápidos e milagrosos, e não, eles não acontecerão. 

Por isso, para que se mantenha a forma física que se busca, é preciso muito esforço, rotina, disciplina e paciência.

Da mesma forma que um separador de gotas não foi construído da noite para o dia, seu corpo também não perderá o peso que ganhou ao longo dos anos em apenas 2 meses de dietas e exercícios. Portanto, tenha paciência e não desista.

03 – Pratique exercícios físicos

Obviamente que, para perder peso e eliminar as gorduras ingeridas durante a alimentação, é preciso queimar algumas calorias, e isso só é possível através dos exercícios físicos. Eles podem ser feitos em sua casa, academia, corridas matinais, artes marciais, enfim, diversas modalidades.

Além de ajudar no emagrecimento, ele também melhora sua percepção, disposição e te deixa mais saudável, assim como deixa sua mente mais aguçada e com pensamento cognitivo mais rápido, podendo ajudar muito em seu trabalho com guia unificada, por exemplo.

04 – Reeduque a sua alimentação

Sim, exercícios físicos são importantes, mas eles são apenas uma parte do que é preciso para emagrecer. A outra é saber se alimentar corretamente e escolher os melhores alimentos que te ajudem com o seu objetivo. Ou seja, faça uma reeducação alimentar.

De nada adianta passar 2 horas diárias na academia se, todo dia, você come lanches e fast foods, portanto, dê importância a esse tópico.

05 – Procure ter uma boa noite de sono

Uma boa noite de sono ajuda e muito na hora de emagrecer, afinal, quando não dormimos muito bem durante alguns dias, nosso corpo fica menos disposto e desregula nosso organismo, prejudicando e muito nosso rendimento ao longo do dia e a nossa alimentação.

06 – Escolha alimentos integrais

Os alimentos integrais possuem fibras e diferentes tipos de carboidratos que fazem bem para o seu organismo e aumentam a sensação de saciedade. 

Em outras palavras, ao preferir comer um arroz integral ao convencional, com toda certeza você comerá menos e sentirá a mesma sensação de que está bem alimentado.

Muitos reclamam que não tem gosto ou que é muito estranho, mas é somente uma questão de costume. Caso prefira, no caso do arroz, por exemplo, junte alguns legumes como cenoura ou chuchu para dar um gosto diferente.

07 – Busque fazer pratos coloridos

Lembre-se: quanto mais colorido for seu prato, maior a quantidade de fibras e nutrientes ele terá. 

Sendo assim, busque colocar bastante verduras e legumes no seu prato, junto com alguma proteína e, com toda certeza, além de muito saudável, ele será a sua fonte de energia durante várias horas do seu dia.

Lembre-se que o almoço é a refeição mais importante, portanto, tenha certeza de se alimentar bem durante ele.

08 – Beba bastante água

A água é o nosso elixir da vida, sem ela nosso organismo não funciona direito e até mesmo nossas funções cognitivas são afetadas, além de ajudar muito com o emagrecimento e evitar problemas graves no seu corpo, como pedra nos rins.

O indicado é tomar, pelo menos, 2 litros de água diariamente, mas dependendo do corpo, é necessário mais. Porém, nunca tome durante as refeições, apenas 30 minutos antes ou 30 minutos depois.

09 – Como de forma fracionada

Como vimos, é importante reeducar sua alimentação e ter um bom almoço para ter energia para o dia todo, mas isso não significa que deve ficar 5, 6, 10 horas sem comer nada. Isso, inclusive, faz muito mal para o seu organismo.

Alimente-se de 3 em 3 horas, que o seu metabolismo se acostumará e sempre te ajudará. Claro, não precisa comer uma pizza nesse horário ou x-burguer, mas comer uma fruta, um lanche natural feito em casa ou até mesmo um iogurte sempre é bem-vindo.

10 – Faça acompanhamento profissional

Claro que fazer tudo isso, além de ser muito difícil, requer disciplina e, muitas das vezes, pode acontecer de algumas das dicas não se adaptarem direito para nossa rotina, corpos ou simplesmente termos alguma condição que nos limita.

Por isso, sempre é necessário ter um acompanhamento profissional que irá analisar e entender qual melhor tipo de reeducação alimentar, o que comer, quanto de água beber, ou seja, quais os melhores caminhos para se chegar onde deseja.

Lembre-se, o nosso corpo precisa estar saudável e precisamos cuidar dele. Não faça nada de qualquer maneira e espere ter resultados bons e rápidos. Tão difícil quanto emagrecer, é fazer isso de forma saudável e ainda manter as pequenas conquistas.

Portanto, falo com um nutricionista ou profissional da área e comece agora mesmo a colocar em prática as informações disponibilizadas ao longo do texto.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


Seja o primeiro a comentar!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.